Já aviso que muito provavelmente esse post vai causar um certo desconforto, justamente por ir contra a frase “Você precisa estudar muito.” E acreditem, essa foi a forma menos agresseiva de eu abordar isso. No post de hoje, vamos a diferença do Aluno bom e Bom Aluno.

 

 

Tudo começa na escola.

Resultado de imagem para aluno

Desde cedo aprendemos que precisamos estudar muito, caso queiramos “ser alguém na vida“. Portanto, quando frequentamos a escola, somos condicionados aprender o que os professores ensinam, para que tenhamos ótimas notas nas provas.

Dizem que com notas altas, daremos orgulho aos nossos pais e que no futuro, entraremos em uma ótima faculdade, para continuar o ciclo e termos uma formação superior.

Portanto, um Aluno bom vai ser aquele que se aprofundar mais dentro de tudo o que é ensinado na escola (conjunto fechado de conhecimento). O famoso “CDF“.

Com isso, ele vai conseguir as melhores notas e ter destaque dentro do universo escolar/faculdade.

 

 

E então trazemos isso para vida

Resultado de imagem para aluno

Quando nos tornamos adultos responsaveis, e temos que encarar a vida como ela é, temos um impacto muito grande, pois “não estamos preparados para isso“.

É erro comum achar que a escola/faculdade (e seus conjuntos fechados de conhecimento) são o suficiente para que se tenha preparo na vida, de uma forma geral.

Chega a ser interessante quando o Aluno bom é confrontado pela vida e ele busca, dentro dos conjunto de conhecimento adquirido exclusivamente pela escola/faculdade e se vê perdido, pois a realidade “ignora” eles, o famoso “não é bem assim…

É nesse momento que o Bom aluno, leva vantagem. O Bom aluno, não se mantém preso ao conjunto de conhecimento padrão. Ele busca ir além, através da prática, para validar todo conhecimento adiquirido.

O Bom aluno descobre mais cedo que a realidade “não é bem assim” como é ensinado nas escolas/faculdades e nos livros.

 

 

No mundo do mercado…

Nesse nosso mundo, vejo inúmeros Alunos bons soltos no mercado. Uma galera que lê muitos livros técnicos, que fez muitos cursos, que entendeu algumas técnicas muito bem, porém na hora da execução entram em pânico, ficam perdidos.

Vejo poucos Bons Alunos, que questionam o pouco que aprenderam e vão por um caminho diferente, trazendo conhecimentos de outras áreas, que praticam muito mais o pouco que sabem.

Os Alunos bons defendem seus professores e querem que o mundo se adeque as “regras” impostas pelas teorias e cálculos “precisos“, enquanto que os Bons alunos, por experiência e prática, se adaptam aos cenários adversos.

O tempo que os Alunos bons perdem se atolando em mais livros técnicos e cursos, os Bons alunos estão praticando.

Erudição sem prática, é inutil. De nada adianta saber tudo, se você não sabe aplicar a metade.

Portanto, para mim, é necessário fazer uma pequena alteração na frase do começo do post. Trocar “estudar” por “praticar

Resultado de imagem para Trader

Ah, mas não é a mesma coisa?!

Você pode ler todos os livros sobre boxe, ver todas as lutas pela TV, saber o nome de todos os lutadores e suas estatísticas, mas isso de nada adianta se você entrar no ringue com um outro boxeador.

Ele não tem noção nenhuma do “estudo” que você fez, mas pela prática dele, ele te derruba fácil.

Se obtem mais sucesso indo da prática para erudição, do que o oposto…

 

 

Esse post, foi baseado em um dos capítulos do livro Antifrágil, de Nassim Nicholas Taleb. Leitura que recomendo fortemente!

Muito conteúdo interessante para nós operadores do mercado financeiro, que se leva para a vida!

Curtiu o post?! Então deixa aí nos comentários o que achou! E não esqueça de compartilhar ele com outros traders para que a gente possa ajudar mais gente nesse mercado!

Antes que eu esqueça, NÃO DEIXE DE SE CADASTRAR para receber as notificações sempre que rolar um post novo aqui no Blog! Não vai querer ficar de fora, não é mesmo?!

Quer saber mais sobre desenvolvimento pessoal e alta performance? Se inscreva no canal Patrícia Pedrozo Coach e não se esqueça de curtir nossa página no Facebook Mente de Trader

Para quem tem curtido nossas publicações, convido vocês a conhecerem um blog irreverente e descontraído de um cara Top! Acessem lá: Blog do Magrelow Trader

Ainda não leu os outros posts?! Então Clica aí:

Cometendo Iatrogenia no Trading

Aprendenda a ser ignorante

Os três porques

Seja Grato

Mude o que não te agrada

Cometendo excessos

A importância de um Diário de Trading

 

The following two tabs change content below.

Herick Borges

Trader Autonomo
Trader autônomo e investidor na bolsa desde 2011. Coach formado pela Sociedade Latino Americana de Coach e autodidata em assuntos relacionados a finanças pessoais, investimentos, economia e um grande entusiasta em psicologia comportamental e de alta performance voltada ao Mercado Financeiro.

Latest posts by Herick Borges (see all)