Ser Trader: Quado ficamos cegos pelo Operacional

Esses dias aconteceu algo comigo que eu achei interessante: Fiquei enviesado pelo meu próprio operacional. Sabe quando ficamos cegos pelo Operacional e não conseguimos ver nada além do que o “operacional manda“? Vamos falar sobre…

 

 

Tudo em excesso é ruim… até disciplina.

 

Esses dias eu constatei isso: Até disciplina em excesso pode lhe causar problemas. Uma certa dose de indisciplina pode te ajudar a questionar o que você está vendo, permitir que você faça alguma operação que não estava “engessada” ou prevista e que vai te dar lucro.

O que me aconteceu foi que eu vi uma possível operação, e minha mente se fixou nela, e por isso eu não vi um outra oportunidade que teria me dado ganho, pelo simples fato de estar “focado demais“.

Mas Herick, precisamos ser disciplinados!“. Concordo, mas tudo em excesso faz mal. Disciplina e foco estão inclusos nisso.

 

Permita-se e Evolua

 

Veja bem, não estou dizendo que você deve ser indisciplinado ou sem foco. Muito pelo contrário.

O que estou dizendo é que tenha no seu plano uma certa liberdade para “fugir da regra“. Assim, você não fica com a sua mente engessada.

É muito fácil nos acostumarmos com fazer operações quase sempre “da mesma forma“, e quando nos permitimos fazer algo um pouco fora do normal podemos aprender muito mais.

Podemos aprender o que não fazer ou até descobrir uma nova forma de operar que nos permita ter mais chances de lucro.

Tendo isso previamente planejado, não significa que você estará sendo indisciplinado, afinal essa “indisciplina” esta no plano, saca?

Você vai estar tendo uma “indisciplina” disciplinada… filosofei agora, né?!

 

 

Fuja da rotina para não engessar

 

Traçando um paralelo com nossa vida, nos acostumamos muito fácil com uma rotina, e tendemos a repetir as mesmas coisas sempre, como um padrão automático.

Muita das vezes, ficamos entediados e sem saber o porquê. Nesses casos, é sempre bom termos uma “perda de controle” algumas vezes.

Nossa mente gasta muita energia para que nos mantenha devidamente disciplinados em algumas coisas. Estudos mostram que é muito mais fácil se manter na dieta, por exemplo durante a manhã. Porém, a noite, após toda a rotina, onde você está mais cansado, essas chances caem para muito abaixo de 30%.

Isso sem contar fatores emocionais, como estresse e ansiedade, coisas que os Traders nem sentem no Mercado Financeiro, não é?

Quando se força muito um músculo a fazer exercícios repetidos em excesso, ele estafa. Dietas extremamente rigorosas não são seguidas por muito tempo.

O que eu quero dizer com isso é que, dentro do seu plano, tanto de trading quanto de vida, permita-se de forma CONTROLADA, “perder o controle” e “sair da disciplina” de vez em quando. Isso trará uma mensagem positiva ao seu cérebro.

Melhor fazer isso de forma controlada e segura, do que ter um dia de idiota (que vocês chamam de Dia de fúria, Michael Douglas ou MD) e entregar tudo, quebrando a conta, concorda?

Agora que você já sabe disso, como você pode incluir uma “indisciplina” na sua rotina?!

 

Muito obrigado por ter investido seu tempo e por ter lido o post até aqui. Espero que tenha te ajudado de alguma forma. 🙂

Curtiu o post?! Então deixa aí nos comentários o que achou! E não esqueça de compartilhar ele com outros traders para que a gente possa ajudar mais gente nesse mercado!

Antes que eu esqueça, NÃO DEIXE DE SE CADASTRAR para receber as notificações sempre que rolar um post novo aqui no Blog! Não vai querer ficar de fora, não é mesmo?!

Quer saber mais sobre desenvolvimento pessoal e alta performance? Se inscreva no canal Patrícia Pedrozo Coach e não se esqueça de curtir nossa página no Facebook Mente de Trader

Para quem usa o Instagram, só me seguir lá no @herick.borges.14

Ainda não leu os outros posts?! Então Clica aí:

Quando o Ego toma conta

Está tudo conectado

Interpretar é diferente de Entender

O processo de tomada de decisão

Ninguém vem te ajudar

Histórias que você conta

Ser Trader: Está tudo conectado

Um tempo atrás, eu escrevi sobre OUTRAS FORMAS DE APRENDIZADO, que não se limitam a vídeos e livros específicos sobre trading. Mas sim, que você pode extrair conhecimento de qualquer outro lugar. Hoje quero ir um pouco além e mostrar que está tudo conectado.

 

 

Por que eu devo ler sobre filosofia?

 

Parece que isso nada tem a ver com Mercado Financeiro né? Ledo engano.

O que mais me fez pensar sobre as coisas do mercado, e seu entorno, foram livros com a pegada de filosofia. Não necessariamente livros de filósofos, mas sim livros onde há um conhecimento mais ancestral.

Por exemplo, livros como A Arte da Guerra, Bushido, O Livro dos cinco circulos, O Príncipe, Sobre a breviedade da Vida, entre outros.

Sim, é importante você ter esse conhecimento.

Para quem não sabe, as áreas de Economia (que movimentam o mercado com suas noticias e previsões) e Psicologia (que você precisa para tomar suas decisões e se conhecer) derivam diretamente da Filosofia. Mas quem se importa, né? Ela não tem nada a ver com o mercado…

E quanto mais se estuda sobre, mais senso critico e questionador você fica. Assim, começa a questionar suas próprias ações e resultados, e com isso encontrar um caminho para chegar onde você quer… Mas você tem razão, aprender a pensar, não é para Traders.

 

Resultado de imagem para socrates memes

 

Cara, mas isso não tem nada a ver com o Mercado, ta viajando…

 

De fato, tudo isso que eu falei não tem a ver com mercado. A Arte da Guerra não aborda questões de gerenciamento de risco e gestão de dinheiro, por que só fala em movimento de tropas.

O Bushido, por sua vez, só fala do código de conduta de um samurai, e como ele deve ser dedicado ao seu trabalho, mas nada tem a ver com a dedicação de um Trader.

O Livro dos cinco Círculos, não tem nada a ver com disciplina e prática, afinal, está falando sobre treino com espadas e armas antigas. Nada a ver com gráficos e fluxo…

O Príncipe, não tem nada a ver com mercado por que fala como você deve gerir um reino, afinal o que isso tem a ver com ser Trader, não é mesmo?

E Sobre a brevidade da Vida, do Sêneca, é um livro sobre filosofia estoica que mostra que você não deve se preocupar com coisas inúteis a você, que geram ansiedade e só ocupam seu tempo. Mas não, isso nada tem a ver com o mercado.

Afinal, NENHUM DESSES LIVROS foram escritos por TRADERS (Com exceção de Sêneca, que foi um cara que fez MUITO dinheiro na sua época fazendo suas negociações, afim de garantir seu sustento durante um período de tempo)

 

 

O problema em não pensar

 

Um erro que eu vejo por aí são pessoas pedindo indicações de livros sobre o “Mercado“, e ficam lendo SEMPRE os mesmos livros.

Se não for um livro EXPLICITAMENTE sobre o mercado financeiro, ou sobre uma técnica, ou sobre alguém que venceu no Mercado, as pessoas não buscam o conhecimento.

Um bom exemplo, são os livros do Nassim Nicholas Taleb. São livros extremamente importantes para quem quer viver do Mercado Financeiro, porém POUCAS pessoas que conheço leram os seus livros. E quando abordo os temas mencionados lá, eu sou tido como louco.

O que não sabem, é que esse autor foi um Trader de derivativos da bolsa de Nova York e que depois de fazer MUITO DINHEIRO, resolveu se dedicar a estudos de outras áreas, como por exemplo a aleatoriedade, que ele via e sentia todos os dias no mercado.

Mas, não, os livros dele não são sobre o Mercado Financeiro…

Então, parem de ficar seguindo o que os outros falam, tornem-se criticos, questionem e mais ainda, usem uma habilidade que nos ajudou como humanos a evoluir: A criatividade.

Se você não consegue conectar os pontos, e perceber que ESTÁ TUDO CONECTADO, você estará perdendo tempo.

 

 

Para quem curte essa área de filosofia, vai encontrar um belo traço de uma linha de um estilo filosófico bem interessante… quem pegou, fico muito feliz!

Quem não entendeu, vou dar essa moral: clica aqui.

Muito obrigado por ter investido seu tempo e por ter lido o post até aqui. Espero que tenha te ajudado de alguma forma. 🙂

Curtiu o post?! Então deixa aí nos comentários o que achou! E não esqueça de compartilhar ele com outros traders para que a gente possa ajudar mais gente nesse mercado!

Antes que eu esqueça, NÃO DEIXE DE SE CADASTRAR para receber as notificações sempre que rolar um post novo aqui no Blog! Não vai querer ficar de fora, não é mesmo?!

Quer saber mais sobre desenvolvimento pessoal e alta performance? Se inscreva no canal Patrícia Pedrozo Coach e não se esqueça de curtir nossa página no Facebook Mente de Trader

Para quem usa o Instagram, só me seguir lá no @herick.borges.14

Ainda não leu os outros posts?! Então Clica aí:

Interpretar é diferente de Entender

O processo de tomada de decisão

Ninguém vem te ajudar

Histórias que você conta

Reflexões sobre o Tempo

As aparências enganam…

 

Ser Trader: Utilizando a Negatividade de forma Positiva

Sim meus caros, vocês não leram errado! É possível sim utilizar toda a “energia negativa” de uma forma totalmente útil para você! No post de hoje vou mostrar como você pode estar utilizando a negatividade de forma positiva.

 

 

Lei de Murphy

 

Resultado de imagem para murphy

Não esse Murphy, para deixar claro!

 

Todo mundo conhece alguém tido como o “negativão” do grupo. Aquela pessoa que sempre diz: “Vai dar errado isso capitão!“. Algumas pessoas não suportam esse comportamento em outras pessoas (mas toleram em si mesmas, vai entender), e muita das vezes amizades são até desfeitas por isso.

Essas pessoas nos lembram que a vida não “é essa janta toda“, e que precisamos considerar que aquilo que estamos fazendo, pode (e as vezes, da forma como estamos fazendo) vai dar errado.

Essas pessoas nos servem de lembrete, porém, muitos de nós nos achamos especiais, achamos que nada, NADA, vai dar errado… e adivinhem só?!

Como já diz a primeira lei de Murphy: “Se algo tende a dar errado, vai dar errado”.

 

Preste atenção as coisas negativas

 

Resultado de imagem para memento moriBem, de forma simples e curta: Não existe bom ou ruim. Basicamente quem define isso, somos nós. O que é “bom” para mim, pode não ser para você. (Exceto ler esse blog, isso sim é bom para todo mundo, e fim de papo.)

O que quero dizer com isso é que cada pessoa vai ver o mundo de uma forma diferente. Algumas sob um viés mais “positivista” outras sob um viés mais “negativista“. Obviamente que comportamentos extremos não são coisas boas.

Geralmente, uma pessoa com um viés mais positivo, pode muita das vezes não considerar uma falha no seu plano. Trazendo para o mercado, essa pessoa não considera os stops que vai levar no seu plano.

Por outro lado, alguém com o viés mais negativo, tende a achar que tudo pode dar errado, e acabar não agindo por conta disso. Trazendo para o mercado, a pessoa não agir por pensar “vai dar errado mesmo“.

Porém, se prestarmos a devida atenção e, com o controle e maturidade emocional, questionarmos o lado negativo, encontraremos as respostas para nossos pontos cegos e as vezes, até a causa de nossas ansiedades.

Alias, aproveito e peço que deem uma olhada nesse post aqui: APRENDIZADO PELA VIA NEGATIVA.

 

Como utilizar a negatividade de forma positiva.

 

Confesso a vocês, para mim a vida não é essa coisa linda que a maioria acha. Para quem acompanha o blog a um tempo, já deve ter percebido isso aqui.

Não escrevo sobre “coisas boas o tempo todo“, e utilizo a negatividade como principal motor para escrever os posts, afinal, se vocês perceberam, eu estou antecipando algo ruim e já trazendo uma possível solução para elas.

Essa é a melhor forma de se usar a negatividade. Seja ela vindo de uma fonte externa (através de outras pessoas falando com você) ou seja ela de uma fonte interna (suas crenças, sua ansiedade e seus pensamentos negativos, propriamente ditos).

Muita gente esquece o lado “ruim” das coisas, ignora o que pode dar errado e o que acontece, quando algo dá errado de fato, não sabem como reagir.

Quando se pensa de forma “completa” (considerando os aspectos negativos também), você consegue ver o cenário completo também. Não adianta achar que tudo vai dar certo pra você… VOCÊ NÃO É ESPECIAL!

Então pensa aqui comigo: Pra você qual é o pior cenário possível? Se tudo o mais o que você estiver planejando der errado, o que você vai fazer? Qual seu plano B para as coisas?

Te afirmo uma coisa, quando tudo der errado, pensamento positivo não vai te ajudar. Agir de forma eficiente e eficaz vai. E só quem possui um plano de emergencia desses, pode agir da melhor forma possível nesse momento.

Prepare-se sempre para o pior, e o que vier é lucro!

Resultado de imagem para prepare-se para o pior

Curtiu o post?! Então deixa aí nos comentários o que achou! E não esqueça de compartilhar ele com outros traders para que a gente possa ajudar mais gente nesse mercado!

Antes que eu esqueça, NÃO DEIXE DE SE CADASTRAR para receber as notificações sempre que rolar um post novo aqui no Blog! Não vai querer ficar de fora, não é mesmo?!

Quer saber mais sobre desenvolvimento pessoal e alta performance? Se inscreva no canal Patrícia Pedrozo Coach e não se esqueça de curtir nossa página no Facebook Mente de Trader

Para quem usa o Instagram, só me seguir lá no @herick.borges.14

Ainda não leu os outros posts?! Então Clica aí:

As aparências enganam…

Livre-se de todo o peso que você carrega

Verdades Difíceis de Engolir

O que você veio fazer aqui?!

A Toda poderosa Sincronicidade

Principais características de um Trader Alfa

Ser Trader: O que você veio fazer aqui?!

Essa é uma pergunta muito importante que poucas pessoas fazem. geralmente quando ouvimos “O que você veio fazer aqui?!” damos um ar pejorativo, mas não é bem assim… Vejamos o por quê…

 

 

Resultado de imagem para o que você veio fazer aqui

O importante é o que importa…

 

Já parou para pensar no por que você faz as coisas que faz? Não querendo ser filósofo demais, afinal aqui não é o “Filositrader“…

Para tudo o que fazemos na vida, precisamos dar algum significado, uma importância, para que aquele resultado tenha algum significado, seja para você, seja para as pessoas próximas, e quem sabe até para o mundo, de forma geral.

Muita das vezes não pensamos no que realmente queremos ou no que é importante para nós. E quando não temos isso de forma clara na nossa mente, parece que tudo é sem sentido ou que não vale a pena. Desistimos das coisas com mais facilidade.

Por exemplo, é muito comum você ver e ouvir pessoas que tem um trabalho “formal“, dizerem algo do tipo: “É, tenho que acordar cedo amanhã, né… tenho que trabalhar” com um pesar na fala. o que você entende geralmente é: “não gosto do que faço, mas preciso fazer, né?!

Quando nós mesmos não damos a devida importância ao que nós fazemos, geralmente outra pessoa atribui alguma “importância” para  o que fazemos, mesmo que não nos agrade.

Por isso deixo aqui uma pergunta: O que é, realmente, importante para você?

 

Mais importante do que fazer algo, é saber o porquê.

 

Quando descobrimos o que de fato é importante para nós, jogamos uma luz sobre as coisas que pensamos e fazemos. A partir disso, começamos a ver tudo ao nosso redor de forma diferente.

Quando entendemos e temos clareza do que é importante, começamos a nos questionar sobre o porquê das coisas. Por que eu estou fazendo isso? Por que estou deixando de fazer aquilo? Por que isso me faz mal? Por que isso me faz bem?

É como se jogássemos uma bomba de dúvidas sobre todas as nossas ações e com isso, geramos um “caos interno“, destruindo todo nosso status quo.

Já adianto, é normal sentir desconforto… Esse é o melhor indicador de progresso possível.

Depois que você descobrir o que de fato é importante para você, me responda: Por que você tem feito as coisas dessa forma até hoje?!

 

 

E afinal de contas, o que você veio fazer aqui?!

 

Quando descobrimos o que é importante para nós (o que atende nossos valores internos) e entendemos a motivação das nossas ações (o por que fazemos o que fazemos), conseguimos pintar uma imagem sobre nossa situação atual.

Assim, conseguimos perceber o que estamos fazendo que nos incomoda e nos causa “danos” e começamos a olhar para o que queremos.

Porém, sem um propósito claro, não adianta  querer mudar. Sem um propósito claro, nem dinheiro você consegue guardar, quem dirá mudar de vida…

Tendo total clareza do que é importante para nós, descobrindo o por que de fazermos as coisas e entendendo tudo isso, saberemos a resposta para a pergunta: O que você veio fazer aqui?!

Pare por algum momento no seu dia, agora por exemplo, e pense nas respostas que deu as perguntas anteriores. Descubra o que é importante para você, o porque de você agir da forma que age e mais importante, o por que de você estar aqui agora!

E por último, uma pergunta extremamente importante: Se você não gosta do que tem feito, se tudo está indo contra ao que você julga importante e você não sabe muito bem o que está fazendo, me responde: O que você pode fazer para melhorar e achar essas respostas?

(buscar apoio de um profissional pode ajudar, como um Coach por exemplo…)

 

Resultado de imagem para questionamentos

 

Curtiu o post?! Então deixa aí nos comentários o que achou! E não esqueça de compartilhar ele com outros traders para que a gente possa ajudar mais gente nesse mercado!

Antes que eu esqueça, NÃO DEIXE DE SE CADASTRAR para receber as notificações sempre que rolar um post novo aqui no Blog! Não vai querer ficar de fora, não é mesmo?!

Quer saber mais sobre desenvolvimento pessoal e alta performance? Se inscreva no canal Patrícia Pedrozo Coach e não se esqueça de curtir nossa página no Facebook Mente de Trader

Para quem usa o Instagram, só me seguir lá no @herick.borges.14

Ainda não leu os outros posts?! Então Clica aí:

A Toda poderosa Sincronicidade

Principais características de um Trader Alfa

O Tao do Trader

A Falácia do “Tudo Funciona”

Em resumo, mercado é Contexto e Probabilidades

Sucesso passado não garante sucesso futuro

Ser trader: Em resumo , Mercado é Contexto e Probabilidades

AVISO IMPORTANTE! O assunto que vou abordar hoje pode ofender o ego de alguns traders, principalmente os mais “experientes“. Praticamente, acho que consigo desmistificar um ou outro conceito de mercado aqui, até porque, em resumo, Mercado é contexto e probabilidades.

 

 

Por onde eu começo?!

 

Para quem estudou um pouco a mais a respeito do mercado (para quem de fato foi além, tá?!) vai conseguir entender o principio desse post. Quem não o fez, vai ficar incomodado.

Não te culpo, caso fique. Espero que o que eu escreva aqui, te ajude a enxergar as coisas de um ponto de vista diferente. Não quero mudar você.

Para a grande maioria (lembre-se disso), o Mercado se resume em técnica, números, cálculos matemáticos, projeções e afins. Ignoram por completo outros fatores que tangem e influenciam, seja o Mercado, seja o operador em si.

Acham que o mercado é uma fórmula exata onde 1+1 é igual a 2, onde existe a relação causa e efeito. Coisas que eu já abordei no post de PROBLEMA DE NARRATIVA.

Para essa galera, o Mercado tende a “respeitar” as regras dos operacionais deles, como se os indicadores que eles usam e a forma como veem o “mercado”, dão maior exatidão e precisão.

Como eu disse no post sobre HESITAÇÃO, quanto mais informações você possui, mais fácil não tomar decisão alguma.

Agora, deixa eu esclarecer umas coisas a respeito dessa “fé cega” nessas coisas…

 

 

 

Destruindo o que você acredita

 

Para quem não sabe, meu maior passatempo no mercado, além de entender o funcionamento da mente dos operadores (a minha inclusive!) é aprender métodos operacionais diferentes do meu e descobrir suas falhas.

Nada contra com quem opera de forma diferente da minha, de modo algum. Acho até interessante, pois posso comparar as linhas de raciocínio.

Quando encontro operadores que SABEM operar seus indicadores, eles me dão uma aula de como usar e faz sentido para mim, por mais que eu não vá usar. Eles também sabem QUANDO NÃO USAR essas estratégias (o que julgo tão importante quanto saber).

A esses operadores, eu tenho respeito. Já para os que não sabem me responder…

A galera tem uma dificuldade tremenda em entender o que são fatos, com probabilidades concretas de acontecer e projeções, com probabilidades imaginárias.

 

 

 

Operando com Projeções, cálculos complexos e afins…

 

Resultado de imagem para metricaO maior erro dos traders (na minha opinião) é não saber ler o mercado, e nem se interessar por isso, porém querem ver ele através de indicadores e projeções.

É como se você quisesse conversar com alguém, mas ao invés de falar diretamente, você fosse falar com um amigo dessa pessoa.

O erro é que existe perda de informação nesse trajeto. Exemplo prático: Uma média móvel É SEMPRE ATRASADA EM RELAÇÃO A TENDÊNCIA! Isso é um fato, não tem desculpas (porém, o cara que fica ligado no Mercado, percebe o inicio da tendencia muito mais rápido…)

A partir daí, as pessoas começam a acreditar em projeções de mercado, fornecidos por indicadores, mostrando “até onde o Mercado vai” ou “onde exatamente o Mercado vai virar” entre outras coisas…

O Mercado não funciona assim. Não funciona com PROJEÇÕES. Por um simples fator: ELE É FORMADO POR PESSOAS! 

Resultado de imagem para ora ora temos uma xeroque rolmes

 

 

De uma vez por todas: APRENDA A LER O MERCADO!

 

Pelo simples fato de o Mercado ser formado por pessoas, ele se torna imprevisível! Não existe projeção ou métrica precisa para ele.

Se você não souber ler o mercado, não souber identificar seus movimentos através dos próprios movimentos dele (e não de indicadores), você não vai saber reagir quando algo mudar (e nem saber usar o indicador correto #ficaadica).

E com isso, vai querer aprender outra técnica, outro indicador para mostrar reversões e mais informação… e tudo isso te tira do foco!

Entender o Mercado é bem mais simples do que se imagina: É basicamente, Contexto e Probabilidades aplicados de forma prática! SÓ! MAIS NADA!

Não é projeção, não é indicadores, nem cálculos matemáticos complexos… É COMPORTAMENTO HUMANO APLICADO, com suas respectivas probabilidades intrínsecas!

Você pode não concordar comigo, tudo bem… Isso só me mostra que você está com a maioria…

E aqui vai um dado interessante: Cerca de 95% dos Traders que entram para tentar a vida no Mercado, não alcançam a consistência… Ou seja A MAIORIA! (E se você acha que não não faz parte, sinto lhe dizer que VOCÊ NÃO É ESPECIAL)

Ainda não concorda comigo? Está bem…  Existe uma máxima no Mercado, tida como “lei” que diz: “O mercado é soberano“. Se ele faz o que quer, não acha contraditório alguém afirmar que a “projeção dele” vai ser respeitada pelo Mercado?

Agora, sabendo dessas coisas que eu mencionei acima, te pergunto: Onde, de fato você quer estar, nos 95% ou entre os 5%? O que você tem feito para chegar lá? E como você pode desenvolver o comportamento e o mindset correto para chegar lá? (Spoiler: Ler esse blog sempre, é um deles!)

 

Resultado de imagem para trader vencedor

Leitor constante do blog tendo ganhos!

 

 

Curtiu o post?! Então deixa aí nos comentários o que achou! E não esqueça de compartilhar ele com outros traders para que a gente possa ajudar mais gente nesse mercado!

Antes que eu esqueça, NÃO DEIXE DE SE CADASTRAR para receber as notificações sempre que rolar um post novo aqui no Blog! Não vai querer ficar de fora, não é mesmo?!

Quer saber mais sobre desenvolvimento pessoal e alta performance? Se inscreva no canal Patrícia Pedrozo Coach e não se esqueça de curtir nossa página no Facebook Mente de Trader

Para quem usa o Instagram, só me seguir lá no @herick.borges.14

Ainda não leu os outros posts?! Então Clica aí:

Sucesso passado não garante sucesso futuro

Você sabe exatamente o que quer?!

Vou te tirar da sua Zona de Conforto

A Confiança do Profissional

Arriscando sua própria pele

Trader e os Boxeadores